#NãoSubestimeOLivro: Stolen, Lucy Christopher

Livros

Olá, pessoas!

O post de hoje é uma indicação de livro através da TAG #NãoSubestimeOLivro. Ela foi criada pela Ná, do Além do Livro, e “a ideia é compartilhar a foto de um livro que você ama, mas que considera subestimado, no Instagram“. Para conhecer melhor o projeto, clique aqui.
Eu vou compartilhar a foto do instagram, mas também quis publicar aqui no blog a resenha do livro escolhido e o porquê dele ter sido selecionado! Stolen é um thriller psicológico que, de uma certa forma, aborda a Síndrome de Estocolmo. E essas temáticas me fascinam.
Apesar de muito interessante, o livro foi pouco divulgado na época do lançamento e nunca mais ouvi falar dele depois. Para completar, a Editora iD fechou (uma penas!), então nem sei se ainda é possível encontrar esse livro nas livrarias.

stolenAutor: Lucy Christopher
Editora: Editora iD
Gênero: Ficção, Suspense
Páginas: 368
Publicado em: 2012
Avaliação: 4 de 5 estrelas
*Essa resenha foi originalmente publicado no meu antigo blog, Walking in Bookland, em 06/09/2012*

Sinopse: Gemma é uma adolescente normal esperando para pegar um voo no aeroporto de Bangkok com seus pais. Ao se afastar, conhece o charmoso e envolvente Ty, e nem imagina quais são suas reais intenções… Ele lhe oferece um café em que coloca algum tipo de droga. Confusa, ela é sequestrada e arrastada para o meio do deserto australiano. Ele a rouba para si, depois de anos a observando, e ainda espera que ela o ame. Os dias se passam e eles têm apenas um ao outro na imensidão vazia e escaldante do deserto, e Gemma começa a entender e conhecer Ty. É aí que os limites entre inimizade e compaixão vão ficando cada vez mais tênues…

Gemma é uma adolescente inglesa que é sequestrada no aeroporto e levada para um deserto no meio do nada. O livro todo é uma carta que ela está escrevendo para Ty, seu sequestrador. Enquanto escreve, ela repassa todos os acontecimentos vividos desde o dia em que eles se encontram em um café no aeroporto, e sempre se dirige diretamente a ele.
Stolen é um livro diferente do que estava acostumada a ler. Não apenas pelo estilo da narrativa, mas também por todo o enredo apresentado.

Confesso que não colocava muita fé nesse livro, achei que ele seria um pouco parado. Realmente, em algumas partes, a narrativa se torna lenta, mas a todo momento a autora consegue fazer com que um toque de adrenalina corra nas nossas veias. Página após página você quer saber o que virá a seguir.

Como não podia deixar de ser, Gemma me irritou muito. Eu não sei como reagiria se estivesse no lugar dela, mas eu conseguia entender o lado do Ty. Sim, eu fiquei com raiva da sequestrada e com pena do sequestrador. Louca, mas isso vocês já sabem!

A leitura fluiu facilmente. Apesar de não ser tão leve pela temática abordada, Lucy consegue prender o leitor na sua trama, que é muito bem construída.

Um detalhe a parte foi uma falha na revisão da Editora iD. Em determinado momento aparece um galo e eles, ou melhor, Gemma o batiza de Babaca (Dick, em inglês) para descontar sua raiva por Ty. Sem problemas, até que você se depara com o nome “Dick” no meio do texto. Esqueceram de traduzir!

4 estrelas por ser um livro muito bem escrito, mas perdeu pontos com a personagem irritante e o final que me deixou com #pokerface.

Previous Story
Next Story

You Might Also Like

  • Nádia Tamanaha

    Oba, obrigada por participar de novo e pelo blog na TAG, Ká <3
    Ironicamente, eu vi bastante esse livro ultimamente no Instagram, mas confesso que nunca tinha lido a sinopse. Realmente, parece interessante. Como você sabe, também adoro essas temáticas! Agora, esse erro da iD, hein? Plmdds!!!!
    Beijos

%d blogueiros gostam disto: