O que eu aprendi morando no exterior?

Quando eu era pequena, eu tinha um sonho: morar nos Estados Unidos ou na Inglaterra, algum país que falasse inglês. Sempre fui apaixonada por essa língua e sempre paguei pau para esses países.

Eu não sabia detalhes de como poderia realizar esse sonho, só de que precisava ter bastante dinheiro, mas meus pais não tinham. E também precisava aprender inglês, o que comecei a fazer aos 9 anos.

Em alguns momentos da vida esse desejo pode ter escapado da minha mente, mas nunca por muito tempo, nem definitivamente. Quando comecei a ter acesso a internet, só buscava informações sobre intercâmbios e depoimentos de pessoas que moravam lá fora. Quando comecei a sair de casa sozinha, sempre visitava alguma agência, feira ou palestra sobre intercâmbios.

Eu, basicamente, dediquei a minha vida a isso. Sempre. Não sabia como, nem quando, mas tinha certeza de que esse dia chegaria. E ele chegou em 2009, com meus 21 anos de idade.

despedida au pair

Peguei todo mundo de surpresa, afinal eu tinha um emprego, um namorado, estava fazendo uma faculdade pública… Por que, então, eu iria querer deixar tudo isso para trás e sair do país? Simples. Era o meu sonho, aquele era o meu momento e nada, nem ninguém, ficaria no meu caminho. E, gente, foi a melhor decisão que eu já tomei na minha vida. Continuar lendo

Uma viagem: New York City

The Big Apple… A cidade de Friends, How I met your mother, e onde Sex and the city não é apenas um seriado (essa parte roubei do Daniel Cleaver em Bridget Jones no limite da razão). New York City, a capital do mundo, onde eu adoraria viver.

Mas já que não posso, me contento com esporádicas visitas e essas já foram três. Todas muito curtas, infelizmente, porém o bastante para desfrutar desse lugar que eu amo.

As fotos também foram perdidas com o roubo do meu notebook e HD. Só sobraram as que eu achei perdidas pelas minhas postagens nas redes sociais. Muito triste isso.

Como o post é de viagem, já aviso que está gigante, mas bem bacana… Vale a leitura!

Empire State Building visto do Top of the Rock

Empire State Building visto do Top of the Rock

Chegando em New York City

A cidade é servida por dois aeroportos principais: JFK (John F. Kennedy) e LaGuardia. Mas também pode ser utilizado o aeroporto de Newark, em New Jersey.

O JFK é enorme e internacional, então o fluxo de pessoas é absurdo. Logo, se você chegar em NYC por esse caminho, prepare-se para longas filas na imigração. Nas duas vezes que passei pela imigração nesse aeroporto, era bem cedinho, então tinham poucos guichês em funcionamento, o que piora a situação da fila. Se o seu voo chegar com outro… Respira fundo e foca no passeio que te espera!

Como sempre, o atendimento vai depender da disposição do funcionário. Se você estiver viajando sozinho, provavelmente farão mais perguntas e rolará uma desconfiança maior, mas sempre fui liberada sem maiores problemas. Continuar lendo

Uma viagem: The Wizarding World of Harry Potter

Para quem ainda não sabe ou não percebeu, eu sou uma Potterhead, maníaca por Harry Potter!!! Não tenho palavras para descrever meu amor por essa série de livros que é, sem dúvidas, a minha favorita da vida.
Então vocês podem imaginar o tamanho da minha alegria quando eu tive a chance de conhecer o parque do Harry Potter: The Wizarding World of Harry Potter, que fica dentro do complexo da Universal Studios em Orlando, Flórida.
Sou extremamente grata por ter conseguido visitar o parque duas vezes. A primeira, em janeiro/2013, quando o parque tinha apenas uma parte, Hogsmeade; e novamente em janeiro/2015 para conhecer o novo pedaço que representa o Beco Diagonal. As duas viagens valeram muito a pena e ficaram na minha memória para sempre. Me emociono só de ver as fotos!
Ah sim, as fotos… As da primeira viagem foram perdidas, só me restaram o que eu postei no Facebook, mas a desse ano está fotografada, filmografada e salva na nuvem! YAY!
Tenho alguns vídeos, mas não consegui colocar nenhum aqui no post. Fiquei muito chateada e estou tentando descobrir o porquê.
Enfim… Vamos começar a viagem!

Criança feliz experimentando cerveja amanteigada (2013) e andando no Expresso de Hogwarts pela 1. vez (2015)

Criança feliz experimentando cerveja amanteigada (2013) e andando no Expresso de Hogwarts pela 1. vez (2015)

Continuar lendo

Uma viagem: Paris

Ah, Paris… A Cidade Luz, a capital mais romântica do planeta, onde falam a língua mais sexy também. Voulez vous coucher avec moi? Quem diria não para isso? Bitch, please. Ou melhor: Chienne, s’il vous plaît. (tradução direta do Google)

Brincadeiras a parte, eu consegui ter o meu sonho de conhecer Paris realizado em 2010, na minha primeira e única Eurotrip até o momento.
Foram apenas dois dias, mas foram dois dias incríveis e inesquecíveis. Minha companheira de viagem foi a Débora. Nós duas éramos au pairs brasileiras vivendo na chamada DC Area, nos States. Foi ela quem sugeriu a viagem, afinal a irmã dela era au pair na Alemanha e o namorado estava estudando na República Tcheca (falaremos desses locais em outros posts).

Eu turistando na frente do Louvre

Eu turistando na frente do Louvre

Chegando lá!
Olha, a viagem foi longa pois escolhemos as formas mais econômicas possíveis. Nós éramos au pairs, isso quer dizer que éramos pobres, já que recebíamos menos que um salário mínimo americano. Porém, não tínhamos muitas contas para pagar e estávamos em um país que cobra um preço justo pelas coisas. Resumindo: sem exigir luxo, dava pra viajar.
E assim pegamos um voo com duas escalas: Detroit e Amsterdam. Claro que eu fui parada no aeroporto de Detroit, porque essas coisas sempre acontecem comigo! Vou até anotar aqui para fazer um post sobre minhas aventuras nos aeroportos do mundo.
Voltando… Nosso primeiro destino foi Hannover, na Alemanha, depois pegamos um ônibus para Paris. Viramos a noite no bus, encrencaram comigo na vistoria do mesmo, mas enfim estávamos em Paris! (sons de comemoração) Continuar lendo