Assinando a TAG Experiências Literárias

Livros

Em fevereiro deste ano eu tomei uma importante decisão para a minha vida de bookaholic: decidi assinar o TAG Experiências Literárias.

Importante pois não é um investimento tão barato e é uma caixinha de surpresas, afinal posso, ou não, gostar do livro enviado naquele mês. Mas eu queria fazê-lo justamente por isso, para ampliar meus horizontes literários.

Bom, já estou recebendo a caixinha a 7 meses (depois solicitei a de janeiro também, para ficar com a coleção certinha) e posso dizer que estou satisfeita, apesar de não ter conseguido ler todos os livros recebidos até agora. Estou com as leituras de maio, junho e julho atrasadas. Não que os livros não tenham me interessado, mas é porque eu me enrolei mesmo.

Agora quero compartilhar com vocês sobre a minha experiência.

Como funciona a TAG Experiências Literárias?

A TAG Experiências Literárias é um sistema de curadoria e assinatura de livros mensal. Por R$ 69,90/mês, você receberá em sua casa uma caixinha contendo um livro escolhido pelo curador da vez, um marcador exclusivo, uma revista (com entrevista com o curador do mês, informações sobre o livro/autor do mês e a apresentação do curador e livro do mês seguinte) e um mimo.

Para mim, todo detalhe importa, e a TAG tem esse cuidado desde a caixinha que você recebe até todo o conteúdo dentro dela. É muito amor!

Mas voltando, a assinatura pode ser paga pelo cartão de crédito ou boleto bancário, e pode ser cancelada a qualquer momento sem multa. A cobrança é feita sempre por volta do dia 24 de cada mês e as caixinhas começam a ser enviadas no começo do mês seguinte. Eu geralmente recebo a minha entre os dias 10 e 15.

Mas e se eu não quiser o livro daquele mês, ou já tiver lido?

Bom, o livro do mês seguinte é uma surpresa, porém eles liberam uma descrição do enredo como dica, justamente para que as pessoas que já tenham lido possam identificá-lo. Isso aconteceu uma vez comigo, no livro do mês de junho.

Quando isso acontece, você deve entrar em contato com a equipe da TAG dizendo o título do livro e que você já tem ou já leu. Eles retornarão dizendo se você realmente acertou e dando outras duas opções para você escolher. Aí você decide se quer receber um dos outros dois, ou se prefere ficar sem receber naquele mês.

No meu caso, o livro do mês era A balada de Adam Henry, do Ian McEwan, que eu já tinha e li em março. As outras opções eram Serena, do mesmo autor, e que eu também já tinha e li em 2013, ou O amor de uma boa mulher, da Alice Munro. Esse foi o meu escolhido, mas ainda não li.

Caso você esteja apertado financeiramente, também pode pedir a suspensão da assinatura naquele determinado mês, retornando no mês seguinte. Ou cancelá-la definitivamente. Apenas lembre-se de fazer isso antes do dia 20, assim não será cobrado por aquele mês.

Como são os mimos?

Os mimos são mimos… Uma pequena e simples lembrança, geralmente ligada ao livro da vez. Já ganhei lápis, bloquinho de anotação, bloco de sonhos, uma garrafinha com mensagem dentro, um copo (o meu preferido), um chaveirinho. Esse tipo de coisa.

Em julho, o mimo foi super especial por ser o aniversário de 2 anos da TAG. Foi produzida uma edição especial e exclusiva em capa dura do livro do mês para os assinantes. O livro é O vermelho e o negro, de Stendhal, e ficou maravilhoso! Mas ainda não li. hihihihi

Quais as vantagens?

Para mim, o que mais vale é receber em casa uma obra indicada por um especialista do meio literário. Geralmente, um livro que eu não compraria sozinha, mas que ainda pode me agradar, e muito.
Quando eu assinei, eu queria expandir meus horizontes literários e realmente estou fazendo isso. Para mim vale muito a pena!

O elemento surpresa é muito bacana, se você não é uma pessoa curiosa como eu. Confesso que toda vez que recebo a revistinha, a primeira coisa que eu faço é ler a dica do próximo, jogar no Google e descobrir qual vai ser. Não errei nenhum até hoje e me orgulho disso! =P

Os livros de 2016
  • Janeiro: O Seminarista, Rubem Fonseca (Gostei muito!)
  • Fevereiro: Desonra, J.M. Coetzee (Achei okay.)
  • Março: A improvável jornada de Harold Fry, Rachel Joyce (Amei!)
  • Abril: Stoner, John Williams (Sensacional!)
  • Maio: O caminho estreito para os confins do norte, Richard Flanagan (Ainda não li.)
  • Junho: A balada de Adam Henry, Ian McEwan (Muito bom!)
  • Julho: O vermelho e o negro, Stendhal (Ainda não li.)
  • Agosto: ainda não recebi

Para assinar a TAG ou obter maiores informações, acesse o site.

PS: Esse post não é patrocinado, porque ninguém quer me patrocinar AINDA.

ME ACOMPANHE NAS REDES SOCIAIS E ASSINE A NEWSLETTER!

FACEBOOK  TWITTER  INSTAGRAM  SNAPCHAT

Previous Story
Next Story

You Might Also Like

  • Jaira Line

    Oi Ká,

    Já dei uma olha nessa tag e tive vontade de assinar, mas acabo deixando pra depois. Preciso abrir meus horizontes de leitura também, pretendo assinar futuramente. Agora com esse mercado de coisas por assinatura meio que teve um booom e tem tanta opção diferente e legal.

    bjisss

    • Oi, Jaira!!

      Assina sim, que vale a pena. Mas precisa ter a mente bem aberta, porque vai fugir mesmo da nossa zona de conforto literária, sabe?
      Nem me fale… Já me segurei para não assinar várias dessas coisas. É tão divertida a ideia de receber uma caixinha td mês na sua casa com uma coisinha bacana, né?!

      Beijos e obrigada pela visita!

%d blogueiros gostam disto: